sábado, 25 de outubro de 2014

Advogado vaza informações de operação a investigados por tráfico

DENÚNCIA

Clientes, que eram investigados por tráfico de drogas, foram avisados antes de abordagem

Image-0-Artigo-1727894-1
Depoimento do delegado Pedro Viana, diretor da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) sobre a Operação durou cerca de quatro horas
Image-1-Artigo-1727894-1
Ao promotor de Justiça David Marques Oliveira, Pedro Viana deu detalhes também do vazamento das informações
FOTOS: FERNANDA SIEBRA
Image-2-Artigo-1727894-1
Em março deste ano, a Operação Famae 40 apreendeu 98 quilos de drogas, quatro armas, e efetuou a prisão de 50 pessoas no Ceará
FOTO: JOSÉ LEOMAR
Falha no sistema ou fraude processual? O vazamento de dados de uma operação sigilosa da Polícia Civil atrapalhou o andamento dos trabalhos que investigavam o tráfico de drogas na Capital. Os suspeitos foram avisados por um advogado de que os policiais fariam abordagens e, desta forma, escaparam de ser presos.
A denúncia foi feita pelo delegado Pedro Viana, diretor da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), em audiência realizada na tarde da última quinta-feira (23), no Salão do Júri do Fórum Clóvis Beviláqua, em Fortaleza.
Segundo Viana, o advogado de alguns dos investigados teve acesso a documentos sigilosos e informou aos clientes sobre as investigações em andamento.
"O advogado do réu Francisco Eudes Martins da Costa foi buscar uma certidão do seu cliente em uma Vara de Execução e nela veio constando a existência de um processo em andamento. Com o número do processo, que era secreto, da operação, ele jogou no computador e teve acesso aos nomes de todos os alvos. Depois, ele saiu avisando aos clientes", afirmou o delegado.
A operação em questão, denominada "Famae 40", foi deflagrada em março deste ano. Os trabalhos resultaram na prisão de 50 pessoas além de 98 quilos de drogas e R$ 34 mil em espécie foram apreendidos.
Dentre esses presos, 22 se tornaram réus no caso. Destes, 21 estiveram presentes nas audiências, que estão sendo realizadas desde segunda-feira (20). As sessões estão sendo presididas pelo juiz Ernani Pires Paula Pessoa Júnior, da 1ª Vara de Delitos de Tráfico de Drogas.
Os trabalhos policias duraram oito meses até a deflagração da operação. Segundo as investigações, várias ações criminosas foram comandadas de dentro de unidades prisionais ou por presos que cumpriam pena em regime semiaberto. Dentre esses suspeitos, três eram líderes do grupo criminoso Primeiro Comando da Capital (PCC).
Prejuízo
Em depoimento, o delegado lamentou o vazamento das informações. "O prejuízo para nós foi enorme, causando a fuga de alguns criminosos, além de ter propiciado a ocultação de armas e drogas", disse. Após a audiência, Pedro Viana declarou também que "há suspeitos que eram investigados que ainda se encontram foragidos desde o vazamento, pois já sabiam da operação".
A casa do réu Francisco Eudes Martins da Costa, segundo o delegado, foi encontrada com placa de "Vende-se", quando da deflagração da operação.
OAB
A reportagem contactou a Ordem dos Advogados do Brasil, secção Ceará (OAB-CE) para falar sobre as denúncias.
Por telefone, o presidente da Ordem, Valdetário Monteiro, afirmou que é preciso ter cautela na avaliação da denúncia relatada pelo delegado. "Não posso falar do caso concreto pois processos disciplinares correm em segredo de Justiça. A Lei trata como sigiloso para não expor as pessoas", afirmou.
"Em tese, tem que se apurar se houve falha no sistema do Tribunal de Justiça pois, se a relação dos investigados estava no sistema sem que o advogado pudesse pressupor que ela existisse, houve uma falha no sistema", disse.
Monteiro ainda explicou que "o profissional, consultando o sistema, não poderia cometer um crime se o próprio sistema forneceu os nomes".
O presidente da OAB-CE também disse que, se comprovada a má-fé do advogado, ele poderá ser punido por suas ações. "Se o profissional, em tese, tiver burlado o sistema, poderá responder por processo disciplinar de violação de processo, já que tramitava em segredo de Justiça".
Na Operação Famae 40 foram efetuadas prisões em Fortaleza, Beberibe, Cascavel, Caucaia e Maracanaú.
A operação teve a participação de policiais civis lotados nas delegacias de Roubos e Furtos (DRF), de Narcóticos (Denarc), de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC), Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Divisão Antissequestro (DAS), Metropolitana de Maracanaú e municipais de Beberibe e Jaguaruana.
Em poder dos acusados, os policiais civis apreenderam dois revólveres calibre 38, um espingarda calibre 12 (escopeta) e uma metralhadora calibre 9 milímetros, arma de uso exclusivo das Forças Armadas.
A reportagem questionou a assessoria de imprensa do Fórum Clóvis Bevilaqua acerca das denúncias feitas pelo delegado em depoimento. Mas, até o fechamento desta edição, nenhuma resposta havia sido enviada.
Levi de Freitas
Repórter

Aposentado é morto a golpes de barra de ferro em Juazeiro do Norte

Idoso de 72 anos foi morto em casa e teve corpo levado para Caririaçu.
Suspeito pelo crime estava com carro e outros pertences da vítima.

Do G1 CE, com infornações da TV Verdes Mares
 O idoso Ângelo de Souza Amorim, 72 anos, foi morto a golpes de barra de ferro em Juazeiro do Norte, a 495 km de Fortaleza. Segundo a polícia, o corpo dele foi encontrado na zona rural do município de Caririaçu neste sábado (23). A irmã da vítima registrou na sexta-feira (22) um boletim de ocorrência sobre desaparecimento do idoso.
Segundo a polícia, o aposentado teve o carro roubado. Um homem, de 27 anos, foi encontrado no município de Várzea Alegre, dirigindo o veículo da vítima e foi preso. Ele foi levado para a Delegacia de Juazeiro do Norte.
De acordo com  o comandante da Polícia Militar de Várzea Alegre, tenente Gleidystone Bertoleza, o homem confessou que invadiu a casa do aposentado e o matou a golpes de barra de ferro. Em seguida, o suspeito colocou o carro da vítima no carro, abandonando em Caririaçu.
Além do carro, segundo a polícia, o homem estava com uma televisão e um aparelho de som do aposentado. De acordo com as investigações, o suspeito estava tentando vender o material roubado.

Homem é preso suspeito de abusar de 9 mulheres da própria família

Segundo a polícia, uma das vítimas era a filha do suspeito, de 10 anos.

Moradores da cidade de Caririaçu se dizem revoltados com o caso.

Do G1 CE
Um homem de 38 anos foi preso suspeito de abusar sexualmente de nove mulheres da própria família no município de Caririaçu, a 503 quilômetros de Fortaleza. Segundo a polícia, entre as vítimas estão irmãs, sobrinhas e até a filha dele, de dez anos. O caso aconteceu na zona rural da cidade. Por medida de segurança, ele foi transferido para delegacia regional de Juazeiro do Norte. Moradores de Caririaçu se dizem revoltados.
"O que mais dói é você ver uma criança com os olhos marejados de lágrimas, contando que o próprio pai a molestava constantemente e dando detalhes como isso acontecia. Assusta até nós mesmo que somos profissionais da área de segurança, que estamos acostumados com a ocorrência de violência. É o fato de ter sido praticado pelo pai, que é justamente a figura incubida pela lei como pelo próprio direito natural de proteger, de cuidar", conta a delegada.O homem foi denunciado por familiares e preso ainda em Caririaçu. De acordo com a delegada Cícera Araújo, o laudo da perícia confirmou que houve abuso a duas meninas menores de idade. Em documento, a perícia atesta inclusive a "fragilidade e inocência" de uma das vítimas por tem problemas mentais.

Bandidos roubam R$ 18 mil de agência lotérica após Mega-Sena acumular

Pedra Branca - Assalto casa lotérica 23.10.14Pedra Branca
Dois homens, um deles armados com um revólver, assaltaram uma casa lotérica na manhã desta quinta-feira, 23 e roubaram aproximadamente R$ 18 mil. Ainda de acordo com a Polícia, os dois bandidos são baixos e magros. A dupla chegou numa motocicleta e surpreendeu o proprietário do estabelecimento no momento em que ele abria as portas. Os criminosos usavam capacetes e  utilizaram uma motocicleta Honda Bros de cor verde.
A Polícia acredita que o assalto foi planejado a partir da acumulação do prêmio da Mega-Sena desta quarta-feira, 22, acumulado em torno de R$ 50 milhões. Em razão do mega prêmio o movimento na casa lotérica praticamente dobrou e o proprietário não pode efetuar o depósito das apostas no banco ainda na quarta-feira.
Cerca de 12 horas após o assalto à casa lotérica, outro roubo foi registrado no Centro de Pedra Branca. Dessa vez, no fim da tarde, uma dupla, numa motocicleta Honda CG 125 vermelha, um deles armado com um revólver, rendeu o vendedor de uma loja de eletrodomésticos e roubou 10 tablets e 10 telefones celulares, totalizando em torno de R$ 12 mil.
Mega- Sena
O prêmio do concurso 1646 da Mega-Sena ficou acumulado. As dezenas sorteadas foram 19, 23, 34, 40, 41 e 58 e 129 apostadores acertaram a quina e vão levar R$ 39.714,43 cada um. Outros 10.700 apostadores acertaram a quadra e receberão R$ 668,09 cada um. O valor do próximo concurso já está estimado em R$ 60 milhões. O sorteio será realizado no próximo sábado, dia 25, véspera das eleições.
Foto: Vando Carlos 

Jovem é assassinado a tiros supostamente por dívida no Distrito de São João dos Queiroz

 

homi_saojoao_queiroz_vendedor_droga
Conforme investigação preliminar, revela que Alan Moisesestava com dívida de R$ 4.000,00 (quatro mil).
Os assassinatos na cidade de Quixadá retornaram nos últimos dias, sendo necessário que haja uma mobilização das autoridades públicas de segurança com o intuito de evitar mais sangue no Sertão Central cearense. Nesta sexta-feira, 24, dois homens foram executados a bala no município as vésperas das eleições.
O presidiário Francisco Flávio Leandro Silva, 38 anos, foi morto a tiros na calçada de um mercadinho, na Rua Presidente Vargas, no bairro Campo Novo, exatamente a 300 metros de distância da nova Delegacia Regional de Polícia Civil.
Duas horas depois, ocorreu o segundo assassinato a tiros no distrito de São João dos Queiroz, 27,9 km32 da zona urbana de Quixadá. Conforme relatos de funcionários do Hospital Dr. Eudásio Barroso, nenhum familiar havia identificado o homem, este por sinal, estava sem documentos, uma leitora disse ao portal Revista Central que trata-se de Alan Moises Sampaio, 27 anos. Quatro tiros atingiram a vítima que já chegou sem vida na unidade de urgência e emergência.
Uma equipe da Polícia Militar esteve na localidade e, colheu informação de que o homem morava em Fortaleza, mas constantemente estava na casa da namorada em São João dos Queiroz, local onde foi morto. 
Conforme investigação preliminar, revela que Alan Moises estava com dívida de R$ 4.000,00 (quatro mil), mas a polícia não confirma se o crime tem relação.
Serviço:
Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá
Avenida Presidente Vargas, s/n, Campo Novo 
Tel. (88) 3445-1047

9º Batalhão da Polícia Militar de Quixadá
Rua Tenente Cravo - Campo Velho
Tel.: (88) 3445-1042 / 190

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Comerciante é preso acusado de porte e comércio ilegal de munição em Boa Viagem

Por volta da 13h00min, desta quinta-feira (23), a polícia através de denúncias anônimas, chegou até o comerciante Francisco Gomes Maciel de 74 anos, residente na rua Agronomano Rangel, 351, centro, Boa Viagem - CE, na residência do comerciante, foi encontrado uma grande quantidade de munição, que foi apreendida e trazida até a Delegacia Regional de Polícia Civil em Canindé. O comerciante foi preso em flagrante, acusado de porte e comércio ilegal de munição. 
CurtirFonte: Rádio Jornal de Canindé

Contax abre 200 vagas para atendente de Call Center

A Contax está com 200 oportunidades de emprego para atendentes de Contact Center, não é necessário ter experiência. 
Requisitos:
É preciso ser maior de 18 anos, ter ensino médio completo, ter conhecimentos básicos em Informática, possuir disponibilidade de horário.
Horários: (6h20min/dia) ou (4h/dia)
Benefícios:
Regime CLT, salário compatível com o mercado, vale transporte, vale alimentação, plano de saúde e odontológico, seguro de vida, desconto em faculdades, auxílio creche (para mulheres), seguro de vida entre outros. 
Os interessados devem enviar currículo com o assunto Atendente de Call Center para:nbholanda@contax.com.br ou comparecer ao endereço: Avenida Dom Luis n° 300, Piso L3 Laboratório 8, munido de RG, CPf, comprovante de endereço e uma caneta na cor azul ou preta.
Para maiores informações: 3231-9472 e/ou 3253-1278.

Redação O POVO Online