terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Morte de casal em cadeia pública de Baturité comove população

Carlos André Mesquita MoraisBaturité
As mortes da dona de casa Maria Natália de Queiroz Correia, 31 anos e do presidiário Carlos André Mesquita Moraes, 29, neste domingo, 6, na cadeia pública de Baturité está causando comoção entre os moradores de Quixadá, onde as vítimas nasceram e moravam até “Professor Palhaço”, como ele era conhecido, ter sido preso, em outubro de 2012, e condenado a 13 anos e 10 meses de prisão.
Praticamente três anos após a prisão dele, quando muitos ficaram surpresos com a acusação de que estuprava as passageiras de seu veículo, o qual utilizava como lotação, a tragédia conjugal causou choque entre os amigos. Na época “Professor Palhaço”, que era muito querido pelas crianças ensinando capoeira, alegava que havia assaltado as vítimas, mas que não abusava sexualmente delas.
A esposa, Maria Natália, acreditava nele e não o abandonou após ser preso. Apesar de alegar inocência com relação ao estupro de uma das vítimas, e de ter tentado entre outras duas “Professor Palhaço” foi sentenciado pelo crime hediondo e recolhido à cadeia pública de Quixadá, onde passou a ser hostilizado por outros internos, havendo a necessidade de ser transferido para outra unidade penitenciária do Estado. O advogado de defesa dele havia solicitado anulação da sentença e em seguida a internação dele, por insanidade mental.
A reportagem do Diário do Nordeste tentou manter contato telefônico com a direção da cadeia publica de Baturité, todavia, até a publicação desta edição as ligações não haviam sido atendidas. A Polícia Civil vai investigar os motivos que teriam levado o presidiário a matar a própria esposa, estrangulada, neste domingo, durante o horário de visitas e cometido suicídio em seguida. O casal deixa um filho de cinco anos, comentou uma amiga da família.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Agricultores de Canindé elegem primeira mulher presidente do Sindicato Rural

Os agricultores (as) do município de Canindé elegeram, neste domingo (20), a primeira mulher que vai presidir a entidade sindical no muni...