quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Polícia prende suspeitos de aplicar golpes em vendas on-line no Ceará

Grupo depositava envelopes vazios em compras on-line, diz polícia.
Pessoa não identificada denunciou o esquema à Polícia Civil.

Do G1 CE
Dois homens foram presos nesta quarta-feira (17), em Fortaleza, suspeitos de aplicar golpes contra pessoas que anunciam a venda de produtos em um site de compra e venda na internet. Segundo a Polícia Civil, os suspeitos depositavam envelopes vazios para o pagamento. Pelo menos 13 vítimas reconheceram a dupla. Um homem que já está preso é apontado como integrante do esquema.

Os criminosos entravam em contato com as pessoas que anunciavam os produtos no site. Depois de negociar preço e condições de pagamento, sempre por meio de depósito bancário, os suspeitos depositavam envelopes vazios. As vítimas só percebiam a farsa depois de entregarem o produto negociado.
Uma pessoa denunciou o esquema à polícia, informando que um familiar havia caído no golpe e que que os mesmos golpistas entraram em contato para negociar a compra de máquinas de uma pizzaria no mesmo site.

Antônio William de Souza, 27 anos, que possui dez passagens pela Polícia, a maioria por estelionato, foi preso ao encontrar com uma das vítimas, no Bairro Genibaú. Ele estava na companhia de Márcio Gladstone Maia dos Santos, 36, sem antecedentes criminais, que também foi preso. Os suspeitos respondem a 39 procedimentos policiais. O flagrante foi efetuado por policiais do 12º Distrito Policial (DP).

Os dois chegaram ao local em um carro Corsa e acompanhados por um caminhão de frete. A polícia não identificou problemas com o motorista do caminhão. Já com Antônio William foi achado um comprovante de depósito bancário no valor de R$ 20 mil e dois aparelhos celulares.

Nos equipamentos a polícia verificou registros telefônicos com as vítimas, e contato com Mário Augusto Freire Tavares, 30, conhecido como "Marujo", que responde a 29 procedimentos policiais, sendo 14 por estelionato, e está preso na Casa de Privação Provisória de Liberdade 1 (CPPL 1), em Itaitinga. O detento é apontado como mandante do golpe contra a vítima que denunciou o caso à Polícia.

Após vistoria no presídio, foram apreendidos cinco aparelhos celulares na cela de Mário Augusto. Os objetos e o preso também foram conduzidos ao 12º DP. Após análise nos telefones, foram encontradas mensagens de texto entre ele e William, além de fotos de pertences de algumas vítimas e de comprovantes de depósitos bancários que foram remetidos a uma das pessoas. Os aparelhos celulares apreendidos serão encaminhados para perícia.

Mais de dez pessoas reconheceram Antônio William como sendo o homem que compareceu em suas casas e fez a retirada dos produtos anunciados. Os três presos foram autuados em flagrante por estelionato e associação criminosa. As investigações continuam, com objetivo de capturar outros envolvidos no esquema criminoso. Há suspeitas de que eles tenham feito mais vítimas
.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Sindicato Rural realiza eleição para Nova Diretoria no domingo (20)

O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Canindé realizará no próximo domingo (20) eleição para a escolha da nova diretoria.  Duas chapas...