quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Suspeita da morte de turista francês é presa

A mulher apontada pela Polícia como principal suspeita de ser a responsável pela morte de um turista francês em um flat na Avenida da Abolição durante o Carnaval foi presa na manhã de ontem. De acordo com a Secretaria da Segurança e Defesa Social (SSPDS), ela teria aplicado o golpe do "Boa-noite-cinderela" com o intuito de drogar e roubar a vítima. No entanto, o estrangeiro foi achado morto no quarto.
Maria Veroneide Pinheiro do Nascimento, 43, foi capturada por policiais civis da Delegacia de Proteção ao Turista (Deprotur). Os inspetores localizaram a suspeita na casa dela, na Comunidade da Coruja, bairro Itaperi. No local, os agentes de segurança localizaram cartelas de comprimidos variados, entre eles medicamentos calmantes.
De acordo com informações da titular da Deprotur, delegada Adriana Arruda, a mulher foi capturada por força de um mandado de prisão solicitado pela Especializada. Ainda conforme a investigadora, as imagens gravadas pelas câmeras do circuito interno de segurança instaladas na recepção e demais dependências do flat auxiliaram a Polícia na identificação da suspeita.
Em depoimento, na sede da Deprotur, Maria Veroneide confessou para a delegada que colocou dois comprimidos de rivotril em uma lata de cerveja que era consumida pelo francês Jean-Michel Ulveling Gérard. A suspeita relatou ainda que, após a vítima adormecer, foi embora levando um notebook, um par de chinelas, uma toalha de banho, uma blusa e dois perfumes.
O rivotril é um remédio tarja preta vendido somente sob prescrição médica. O medicamento possui um alto poder tranquilizante, podendo, inclusive, dopar ou até matar o consumidor, como aconteceu com o francês.
Indagada sobre o que estaria fazendo no apartamento do turista, Maria Veroneide confirmou que foi contratada pela vítima como garota de programa. A mulher informou à Polícia que cobrou R$ 100 pela noite.
Após a prisão, a suspeita foi conduzida à Delegacia de Proteção ao Turista (Praia de Iracema), onde foi autuada, inicialmente por roubo. A mulher já responde por um outro roubo e também por injúria.
A Polícia Civil, no entanto, ainda aguarda os laudos cadavéricos da Coordenadoria de Medicinal Legal (Comel) da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) para que fique determinada a causa da morte do turista francês. Após o resultado apontar a real causa da morte, Maria Veroneide poderá ser indiciada por homicídio ou até latrocínio (roubo seguido de morte).
Encontrado morto
O francês Jean-Michel Ulveling Gérard foi encontrado morto no início da manhã do domingo de Carnaval, no último dia 7 de fevereiro. O corpo estava em um quarto no 11º andar do Via Venetto Flat, no cruzamento da Avenida da Abolição com Rua Osvaldo Cruz, no Meireles.
O turista estava hospedado no flat que pertence a um amigo francês que mora do Ceará. A vítima teria vindo a Fortaleza para passar o período carnavalesco e ficaria por mais um mês.
No dia do crime, equipes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e Pefoce estiveram no local para realizar os primeiras investigações. As informações colhidas no apartamento e com as testemunhas foram repassadas posteriormente para a Deprotur, que continuou investigando o caso.
O delegado da DHPP Afonso Conrado, que esteve no flat, informou que a mulher passou a noite com o turista e depois saiu com os objetos da vítima. No quarto, os investigadores localizaram latas de cerveja, cigarros, remédios e outros pertences. O material foi recolhido pelos policiais civis e levados para pericia.
O amigo de Jean-Michel Ulveling confirmou que ele teria sido drogado pela suposta acompanhante, que depois foi identificada pela Polícia como sendo a Maria Veroneide. O homem disse que durante a noite a mulher teria drogado o francês.
Outros amigos da vítima estiveram na porta do flat a após a fatalidade, mas preferiram não comentar sobre o acontecido. Procurada pela reportagem, a gerência do Via Venetto Flat também não se pronunciou.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Raio de Canindé bota pra lascar.

Foi preso na noite de terça feira no bairro do “S”,  individuo portando um revolver cal. 38 o nome dele não foi divulgado, o que se sabe p...