quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Concurso para agente penitenciário com pelo menos mil vagas será lançado em breve, anuncia Camilo

O governador Camilo Santana iniciou, na tarde desta terça-feira, às 13h, um novo canal de diálogo com os cearenses por meio do Facebook. A ideia é ouvir críticas e sugestões da sociedade toda semana, além de anunciar as principais ações desenvolvidas pela administração estadual. Durante a conversa, Camilo afirmou que lançará concurso para agente penitenciário com no mínimo mil vagas disponíveis. O governador prometeu detalhes "em breve" sobre o certame.
 
No primeiro contato com a população por meio da #Camilo Responde, os usuários fizeram uma série de cobranças e indagações, principalmente nas áreas de segurança pública e de investimentos para gerar empregos nas cidades do Interior. Na ocasião, Camilo Santana disse que o Brasil vive um “cenário de incertezas”, mas que a gestão tem tentado manter os compromissos do Governo mesmo diante da crise econômica.
 
Especialmente em relação à Segurança Pública, uma área sensível para a atual administração em razão dos elevados índices de violência no Estado, Camilo disse estar ampliando os equipamentos do Estado para o Interior, uma forma de garantir agilidade na atuação dos órgãos de segurança e também maior patrulhamento nos municípios.
 
 
O governador anunciou a implantação do Raio no município de Canindé e garantiu  uma nova base da Ciopaer para o Sertão Central. “A base ficará em Quixadá. Isso vai ajudar muito as ações da segurança pública do Estado”, declarou.
 
O governador ainda comentou a necessidade de valorizar o trabalho policial, segundo ele um dos mais arriscados, e prometeu a equiparação salarial da Polícia Militar e dos Bombeiros conforme a média do Nordeste.
 
Geração de empregos
 
Os internautas também cobraram investimentos e ações com o intuito de gerar empregos nos municípios do Interior, ao que Camilo respondeu que o Estado tem uma política de incentivo fiscal com isenção ou redução de ICMS para empresas que se disponham a fazer esses investimentos. 
 
O governador destacou que a Transnordestina terá um importante papel em relação a essa questão. “A ferrovia liga o Porto do Pecém ao Sertão Central. Com ela, vamos ter como atrair e instalar muitas empresas no Interior. Recentemente, conseguimos autorização pra retomada da obra por mobilização entre os governadores. Só falta resolver uma pendência no Tribunal de Contas da União. Isso vai criar condições para que o interior do Ceará atraia investimentos e novas indústrias”, acredita.
 
Por outro lado, o governador voltou a afirmar que este é um ano de dificuldade econômica nacional e lembrou que o Estado enfrenta anos muito difíceis por conta da seca, o que vem exigindo esforços da gestão para garantir o abastecimento de água à população. 
 
Questionado sobre a possibilidade de uma usina de dessalinização da água do mar no Pecém como solução para a seca, Camilo disse que essa tecnologia é o grande futuro para a reutilização de água, mas que o custo ainda é muito elevado. Por isso, o Estado deve realizar uma parceria público-privada para iniciar essa implantação como uma experiência de teste.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Homem é executado com vários tiros no bairro Campo Velho, em Quixadá

O clima de aparente calmaria e tranquilidade de Quixadá, foi quebrado na noite deste sábado (14) quando um homicídio a bala foi registrado...