terça-feira, 28 de março de 2017

Dupla é presa por torturar adolescente com martelo e filmar a ação criminosa

bandidosDois homens suspeitos de torturarem um adolescente de 16 anos e filmarem a ação criminosa foram presos nesta segunda-feira (27) no município de Madalena, no Sertão Central do Estado. De acordo com a Polícia Civil, que conduziu as investigações por meio da Delegacia de Boa Viagem, a dupla alegou que atacou o jovem com um martelo para "dar um corretivo" no mesmo, que vinha praticando roubos na região. 
"Aqui na cidade, quem faz Justiça é o Sistema de Segurança Pública, não os criminosos", afirmou o delegado Ed Carlos, responsável pelas investigações que levaram à prisão de José Edson Silva de Sousa (22), que já responde por roubo, e Jeferson Renan de Souza Silva (22), mais conhecido como "Risadinha", que responde por receptação. O adolescente atacado pela dupla havia sido apreendido por roubo dias antes da ação criminosa. 
Ainda de acordo com a polícia, as autoridades tomaram conhecimento do caso após um vídeo circular nas redes sociais. "A vítima não procurou a delegacia para registrar a ocorrência por medo de represália. Tomamos conhecimento do fato após o vídeo se espalhar pela cidade, por meio de um aplicativo de mensagens. De imediato, instauramos o inquérito policial e conseguimos identificar o adolescente e os autores desse crime bárbaro que acabaram presos", revelou o delegado Ed Carlos.
A ação
Segundo a polícia, Edson foi até a residência do adolescente e o chamou para ir na casa de outra pessoa. A dupla parou em um bar, na localidade de Manga, ainda em Madalena. Edson alegou que iria abastecer a motocicleta e retornou com "Risadinha". Os três, vítima e suspeitos, continuaram no bar e foram embora juntos na mesma moto. Ao chegarem a um local mais ermo, a dupla atacou a vítima. Edson foi o responsável por imobilizar o adolescente e filmar o crime, enquanto Jeferson o golpeava com um martelo.
Posteriormente, a dupla foi capturada em suas respectivas residências por força de mandados de prisão solicitados pela delegacia contra eles. Eles foram autuados em um inquérito policial pelo crime de tortura, considerado hediondo.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Agricultores de Canindé elegem primeira mulher presidente do Sindicato Rural

Os agricultores (as) do município de Canindé elegeram, neste domingo (20), a primeira mulher que vai presidir a entidade sindical no muni...