quarta-feira, 24 de maio de 2017

Grupo de assaltantes é preso durante ação da Polícia Civil em Icó

Policiais civis da Delegacia Regional de Icó, no Centro Sul, desarticularam um grupo criminoso suspeito de envolvimento em vários assaltos, nessa terça-feira (22).
O fato ocorreu apos uma investigação acerca da quantidade de roubos que vinha ocorrendo na região, nos quais os envolvidos sempre atuavam da mesma maneira. Além de transeuntes, o grupo também assaltava estabelecimentos comerciais e subtraiam valores e bens de proprietários e clientes.
Em virtude do trabalho de investigação desenvolvido pelos policiais civis, dois suspeitos foram identificados, sendo estes Douglas Paulino de Souza, 20 anos, e Bruno Morais de Lima, 21 anos – conhecido por “Esquerdinha”. Ambos estavam com mandados de prisão em aberto pelos crimes cometidos. Além disso, mandados de busca e apreensão também foram cumpridos como parte do trabalho policial. Outras duas pessoas foram presas em flagrante, sendo uma mulher, identificada por Laiane Francisco da Silva, 18 anos, companheira de “Esquerdinha”. Com ela, os policiais apreenderam um revólver calibre 32, municiado.
O quarto preso, Valdenir Rodrigues Brasil, 37 anos, também foi capturado. O homem estava sob investigação por ser o suspeito de receber os celulares que eram roubados pelos demais participes do bando. Foram apreendidos seis aparelhos celulares, cerca de R$ 1.200 em dinheiro, uma motocicleta com queixa de roubo; e um veículo EcoSport com placas adulteradas.
Todo o material e os suspeitos foram encaminhados para a delegacia regional de Polícia Civil. Além de responder por roubo, juntamente com Douglas, Bruno também foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e receptação, com a sua companheira Laiane. Já Valdemir, foi indiciado também por receptação.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Superior Tribunal de Justiça anula júri por uso de algema em réu durante julgamento

A Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), por maioria, anulou uma sessão do tribunal do júri porque o réu, acusado de homicídio...