sexta-feira, 30 de junho de 2017

Governo Federal determina fim do programa Farmácia Popular

A unidade de Farmácia Popular de Canindé será fechada a partir desta sexta, 30 de junho. A determinação é do Governo Federal.

Com o encerramento das atividades da unidade de Rede Própria do Programa Farmácia Popular do Brasil, somente aqui na região de Canindé, milhares de pessoas serão prejudicadas com a decisão. 

A medida adotada pelo Governo é vista por grande parte da população como um retrocesso na saúde pública e irá atingir principalmente a população de baixa renda, que até então recebia gratuitamente remédios para controle de hipertensão, diabetes, asma, doenças nefróticas, distúrbios de natureza psiquiátrica, e outras patologias. O Programa foi criado em 2004, no primeiro governo do ex-presidente Lula.

Segundo o Ministério da Saúde, a decisão de não repassar mais verba para manter as farmácias abertas foi para economizar dinheiro e os pacientes agora vão ter que recorrer às farmácias conveniadas, mas o problema é que nem todos os remédios estão disponíveis nessas farmácias. As conveniadas oferecem apenas 25 medicamentos de graça ou com preços baixos. Já nas farmácias que serão fechadas - as do governo federal - eram oferecidos mais de 100 remédios.

A medida de fechamento da farmácia Popular é valida para todo o Brasil.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Codece vai reformar galpão da fábrica em Canindé, afirma vereador Assis Vieira

O vereador Assis Vieira afirmou na tribuna da Câmara, durante a sessão ordinária da última sexta-feira (11), que a Companhia de Desen...