segunda-feira, 30 de abril de 2018

Dupla dispara contra prédio da PM de Lavras da Mangabeira

O prédio da Polícia Militar do municípo de Lavras da Mangabeira, no interior do Ceará, foi alvo de tiros na noite do último domingo (29). Duas pessoas em uma motocicleta dispararam contra a fachada do local. 
As balas atingiram as portas de vidro da unidade. Não houve feridos na ação.
A Polícia realiza diligências em busca de indentificar os suspeitos do atentado. 

Mulher é encontrada morta com tiro na cabeça

O corpo de uma mulher identificada como Raiane Pereira, de 22 anos, foi encontrado nesse sábado (28), com marcas de tiro na cabeça, no bairro Parque Tijuca, em Maracanaú.
Segundo a polícia, o corpo da vítima foi encontrado em um matagal que fica ao lado do rio maranguapinho.
De acordo com a polícia, Raiane teria envolvimento com o tráfico de drogas e seria namorada de um homem que mora em um residencial próximo ao local onde corpo dela foi encontrado.
A polícia informou ainda que ela estava em uma bicicleta, quando foi cercada por duas mulheres e um homem que cometeram o crime. A vítima foi encontrada com um disparo de arma de fogo na cabeça e arranhões na perna, dando a conotação que houve luta corporal.
As investigações continuam com a polícia para tentar prender as pessoas que estão envolvidas em mais um homicídio cometido contra uma mulher no Ceará. 

Jovem morre após colidir em caminhão na cidade de Pedra Branca

Resultado de imagem para colisao moto caminhao desenhoSegundo dados obtidos junto ao destacamento da Polícia Militar, por volta das 09h deste sábado (28), os policiais em serviço, foram informados por populares sobre um acidente de trânsito tipo colisão, com vitima fatal ocorrido na Av. Doca belo, bairro Santa Úrsula, em Pedra Branca.
Logo de imediato a composição se deslocou até o hospital local e constataram a veracidade do fato, onde a vitima foi identificada como sendo o Sr. Lucas Santana Vieira, de 20 anos.
O mesmo deu entrada no hospital São Sebastião às 02h, vindo a óbito por volta das 03h, a vitima trafegava em uma motocicleta quando veio a colidir com um caminhão que não foi identificado, o motorista do caminhão se evadiu do local sem prestar socorro a vitima.
Foi acionado policia civil e rabecão pela equipe plantonista do hospital, sendo feitos os procedimentos necessários ao ocorrido.
Portal de Notícia CE com informações da Policia Militar

Polícia Civil prende mulher após furtar quase R$ 200 mil reais da casa de idoso no interior

Resultado de imagem para furtoA Polícia Civil do Crato recuperou R$ 138 mil em espécie na casa de uma mulher que trabalhava como cuidadora de idosos. Elisabete Feitosa de Sousa Lima, de 48 anos, foi indiciada por furto qualificado por abuso de confiança, nesta sexta-feira (27). O valor total levado no crime era de quase R$ 200 mil, segundo a Polícia.
A mulher havia trabalhado na residência do idoso como cuidadora de sua esposa, que faleceu no começo de abril. Ela teria se aproveitado da situação de confiança com as vítimas e a ausência dos proprietários na residência para praticar o crime.
Com ela, além do dinheiro, estavam objetos de valor adquiridos a partir do roubo, registrado no dia 12 deste mês.
A ex-funcionária subtraiu aproximadamente R$ 200 mil da casa. O dinheiro estava armazenado em um caixote de madeira.
De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), na casa da mulher, foram encontrados, além dos R$ 138 mil em dinheiro, uma cama box, uma geladeira, um fogão, um vídeo-game e outros objetos comprados a partir dos valores roubados da casa do idoso.
A infratora foi encaminhada até a Regional do Crato, onde foi indiciada por furto qualificado. A Polícia Civil vai solicitar a prisão da suspeita ao Poder Judiciário.
As informações são do site Tribuna do Ceará!

Eunício Oliveira, prefeita Sônia e deputada Gorete Pereira são vaiados ao lado de Camilo, na cidade de Madalena




Região Central/O Povo Online: O senador Eunício Oliveira (MDB), presidente do Congresso Nacional, foi vaiado em evento no município de Madalena, ao lado do governador Camilo Santana (PT). O governador e ele anunciavam nesse sábado, 28, série de investimentos conjuntos feitos na cidade por parte do Governo Federal, administração estadual e Prefeitura do Município. A prefeita Sônia Costa (MDB) e a deputada federal Gorete Pereira (PR) também receberam vaias do público presente. 
Eunício é interrompido por gritos e tambores enquanto tenta iniciar sua fala, fazendo  cumprimento às autoridades públicas presentes. O senador tem realizado visitas a municípios cearenses durante todo o mês. Neste fim de semana, além de Madalena, foi a Acopiara, a 350,9 km de Fortaleza, junto a Camilo Santana, com quem tem aproximado possibilidades de aliança.
Filiados a grandes adversários da política nacional na atualidade – respectivamente MDB e PT -, Eunício e Camilo Santana iniciaram, desde o segundo semestre do ano passado, reaproximação política, após os duros embates na eleição de 2014, com reflexos nas eleições municipais de 2016. O movimento, contudo, sofre resistências dentro da base aliada do governador, em particular no grupo ligado ao pré-candidato a presidente Ciro Gomes (PDT). Porém, a oposição á chapa tem sido contornada. Adversários diretos na última eleição, governador e senador mantêm agenda conjunta. Mesmo os Ferreira Gomes mais arredios à aliança admitem a reaproximação.
O POVO Online entrou em contato com a assessoria de Eunício Oliveira, que preferiu não se manifestar sobre o episódio em Madalena.

Guarda Civil Municipal de Pacajus em ação.

A Equipe da GCM Pacajus foi acionada por populares na Feira de Pacajus onde um menor estaria efetuando roubos dentro da feira armado com uma faca, quando a equipe avistou o mesmo e deu voz de parada.
O mesmo reagiu a abordagem vindo pra cima da equipe com uma faca momento em que foi contido com um tiro de Spark, o elemento foi preso e o procedimento está sendo realizado na DP de Horizonte.
 
 

sábado, 28 de abril de 2018

Estelionatário consegue dar golpe em depósito de bebida e continua solto

Região Central: O comércio de Quixadá deve ficar de alerta, pois há um indivíduo dando golpe com cheque falso. Uma vítima do golpe denunciou o crime a polícia.
Resultado de imagem para cheque falsoNesta sexta-feira (27), por volta das 10h, um vendedor que trabalha no Depósito JF, localizado na Rua Oscar Barbosa, no Centro de Quixadá foi vítima de um estelionato.
Um indivíduo trajando calça jeans e blusa vermelha, chegou no estabelecimento comercial acima descrito, comprou a quantia de R$30,00 (trinta reais) de bebidas e pagou com um cheque no valor de R$190,00 (cento e noventa reais) e recebeu R$ 130,00 (cento e trinta reais) de troco e ficou de buscar a bebida minutos depois.
Após o indivíduo sair o vendedor percebeu que o cheque era falso. A vítima foi orientada a registrar um boletim de ocorrência, em seguida diligenciou no intuito de localizar e prender o acusado, mas até o momento sem êxito.

Polícia Militar desarticula organização criminosa interestadual de roubo de veículos em Ocara


 Uma ação da Polícia Militar resultou na prisão de cinco pessoas e na apreensão de três veículos roubados que estavam sendo adulterados para revenda em outras cidades. A ação teve início na tarde dessa quarta-feira (25) e se estendeu até a manhã desta quinta-feira (26).

Policiais do Comando Tático Rural (Cotar) do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) desarticularam uma organização criminosa interestadual que roubava e furtava carros, além de clonar os automóveis e revendê-los a outras pessoas. As prisões aconteceram em Ocara, Chorozinho e Aracati. Os veículos eram vendidos em diversas cidades do Ceará e no Rio Grande do Norte.
Os policiais militares estavam realizando patrulhamento na cidade de Ocara, quando observaram duas caminhonetes, modelo Hilux, com os capôs levantados em uma residência cercada de arame farpado. Dois suspeitos estavam ao redor dos veículos. Quando avistaram as viaturas, os homens correram para dentro da residência. Os agentes de segurança solicitaram que eles saíssem da casa para que a busca pessoal fosse realizada. Quando os suspeitos saíram, os PMs passaram a fazer questionamentos sobre a procedência do carro.
Veículos roubados que foram recuperados (Foto: SSPDS)
Os dois homens, identificados como Juarez Moreira de Souza Júnior, 45 anos, sem antecedentes, e Antônio Muniz de Sousa, 45 anos, com passagens por receptação, confessaram que os dois veículos eram roubados e estavam sendo adulterados naquele local. 
Ao realizar a busca na residência, os policiais encontraram apetrechos utilizados na adulteração. Os suspeitos confessaram que entregariam esses veículos para outros membros do grupo, em Chorozinho e Aracati, para que eles pudessem revendê-los. Foi dada voz de prisão aos indivíduos.
A composição seguiu em direção aos outros membros do grupo criminoso. Quando chegaram em Chorozinho, um dos infratores recebeu um telefonema, informando que o receptor não receberia o automóvel naquela cidade, mas em um posto de gasolina em Pacajus. A equipe se dirigiu até o local combinado e, ao chegar lá, dois elementos se aproximaram para receber o veículo roubado, momento em que receberam voz de prisão. Os dois indivíduos, identificados como Francisco Temistocles da Costa, 32 anos, que já respondia por lesão corporal dolosa, receptação e violência doméstica, e Flares Uchoa Barbosa, 26 anos, com passagens por roubo de veículo, receptação, associação criminosa e integrar organização criminosa, afirmaram que receberiam os veículos de seus comparsas para venderem no Rio Grande do Norte.
Os policiais militares continuaram com diligências até Aracati, com o intuito de identificar o último membro da quadrilha. Quando chegaram à cidade, identificaram Francisco Fabrício Rebouças da Silva, 22 anos, sem antecedentes, que estava esperando o automóvel, modelo Hilux, em um posto de gasolina. Francisco confessou que levaria o veículo para um indivíduo, conhecido como Rony, em Canoa Quebrada, para que ele levasse o veículo para o Rio Grande do Norte. A composição foi até a casa de Francisco e, no local, viram um automóvel, modelo GM/Spin, que também era um veículo roubado e que já estava com placas clonadas.
Os policiais apreenderam duas caminhonetes, modelo Hilux, e uma minivan, modelo Spin, bem como as ferramentas utilizadas para adulteração. Os cinco homens foram conduzidos para a Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC), unidade especializada nesse tipo de crime, onde foram autuados por receptação, associação criminosa, adulteração de sinal identificador de veículo e falsificação de documento público.

PM RECUPERA GOL ROUBADO E PRENDE "PRÉ-CANDIDATO A VEREADOR" POR RECEPTAÇÃO

Por volta das 22:00h de quarta-feira (26), por intermédio de uma denúncia anônima, Policiais Militares do Destacamento de Uruoca recuperaram um veículo roubado. Trata-se de um Gol, de cor preta, placa JJK-4030, de Brasília (DF). O carro foi encontrado no Distrito de Campanário, na localidade de Casinhas, em poder de Paulo André Araújo de Lima. 

Preso em flagrante, Paulo André se identificou como sendo pré-candidato a vereador. As próximas eleições para vereador só acontecerão em 2020. 

Na Delegacia de Polícia Civil, diante do Delegado Fábio Marcos, o acusado alegou ter comprado o veículo de um homem conhecido como “Zito”. Paulo André foi autuado em flagrante pelo crime de receptação de veículo roubado. 

Após pagar fiança de R$ 4 mil reais, ele foi liberado para responder em liberdade. Segundo a Polícia Militar, são vários os casos de carros e motos clonados e roubados na região, muitos com placas de outros estados. A aposta de quem pratica tal delito é achar que a polícia jamais vai descobrir um veículo roubado em pequenas propriedades rurais. 
Ainda segundo informações policiais, a participação da população, como a que houve nesse caso, é de suma importância. A operação que recuperou o Gol teve à frente o Sargento Erisvaldo. Com ele estavam os Soldados Heyder e Marisdelton. 

(Via Camocim Online)

POLÍCIA CIVIL DO CEARÁ EM AÇÃO!

Investigadores do 33 DP prendem acusado de vários homicídios.
Indivíduo suspeito de cometer vários homicídios foi preso por policiais civis do 33 distrito policial por tráfico de drogas. FRANCISCO ELLITON LOPES BALBINO, vulgo " CAOZINHO DO GUETO", é um dos matadores daquela facção. Foi capturado pelos policiais civis quando tentava fugir pelas lajes da comunidade do Gueto. Foi apreendida droga (CRACK), balança de precisão duas chaves de veículos e uma caixa VAZIA de munição calibre 380. 

(Via Polícia Civil do Ceará em Ação)

POLÍCIA CIVIL DO CRATO RECUPERA MAIS DE R$ 140 MIL

Investigadores da Delegacia Regional de Crato recuperaram mais de R$ 140.000,00 em dinheiro e objetos de valor, nesta tarde (27/04).
A vítima, idosa, foi furtada em sua própria casa por Elizabete Feitosa de Sousa Lima, uma parente sua que se ofereceu a ajuda nos cuidados de saúde de seu cônjuge, gravemente doente, que veio a falecer em meados do corrente mês.

Elizabete, aproveitando-se da posição de confiança que gozava frente à vítima, subtraiu aproximadamente R$ 200.000,00, além de objetos de valor.

Os Inspetores, após realizarem o trabalho investigativo, recuperaram R$ 138.000,00, e também vários utensílios domésticos, que Elizabete recentemente havia adquirido com a res furtiva.

Apresentados os fatos e os relatórios de diligências ao Delegado, Elizabete deve responder pelo crime de furto qualificado.

Delegados vão acionar Conselho Nacional e Corregedoria-Geral para investigar MPCE


Os delegados de Polícia do Estado irão buscar a Justiça, o Conselho Nacional do Ministério Público e a Corregedoria-Geral do órgão para investigar a conduta dos promotores responsáveis pela Operação Renault 34, deflagrada pelo Ministério Público do Ceará (MPCE). Em assembleia realizada na manhã desta sexta-feira, 27, na sede da Associação dos Delegados da Polícia Civil do Ceará (Adepol), a categoria deliberou ainda que só irá participar de ações com o MPCE se promotores firmarem compromisso de não “espetacularizar a imagem e a honra dos suspeitos das operações”, revelou Milton Castelo Branco, presidente da Associação. 


Renault 34

Deflagrada na última quarta-feira, 25, pelo Núcleo de Investigação Criminal (Nuinc) do MPCE, em parceria com Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário do Estado (CGD), a Operação Renault 34 resultou no afastamento do delegado Romério de Almeida, titular do 34º Distrito Policial, por 60 dias. 

Ele é suspeito de corrupção passiva por suposto recebimento de propina para liberar um veículo apreendido em operação policial. Um advogado e um detento também participariam do esquema. Entre as possíveis provas estariam interceptações telefônicas obtidas pelo MPCE. 

Na quinta-feira, 26, um dia após a operação ser executada, o delegado foi encontrado em casa com marcas de tiros e em seguida socorrido. Ele está internado e não corre risco de morte. 


Conduta do MPCE

Segundo Leandro Vasques, advogado da Adepol, o órgão que investiga o delegado, violou o sigilo do caso. “No próprio site eles forneceram detalhes da investigação, que corre em segredo de Justiça. Essa violação se traduz em crime. E foi esse gesto que culminou no gesto de desespero do delegado que se encontra hospitalizado”, disse. 

Na quinta-feira, 27, o MPCE solicitou à Justiça o levantamento do sigilo do inquérito que apura indícios de corrupção no 34° DP. Contudo, o pedido foi negado nesta sexta-feira. “O Ministério Público quer continuar o estardalhaço, me desculpe, com a colaboração da imprensa. O juiz foi bem na decisão. Antes de condenar publicamente, teria primeiro que investigar a fundo, porque mexe muito com as pessoas, as famílias, a honra. São nomes construídos por 10, 20, 30 anos, jogados na lama”, atacou o presidente da Adepol. 

MPCE 

Também nesta sexta, o procurador-geral de Justiça do Estado do Ceará, Plácido Barroso Rios, disse que as investigações obedecem os princípios constitucionais e legais, respeitando direitos e garantias fundamentais dos envolvidos e da própria coletividade. 

"Num Estado de Direito, todos estão sujeitos ao império da lei e quem quer que cometa atos ilícitos deve ser investigado e, conforme o caso, processado e julgado", diz o procurador-geral em nota. "Cumprindo com o seu dever constitucional, o Ministério Público tem investigado e processado todos os autores de atos ilícitos independentemente das funções públicas ou ocupações privadas que exerçam, inclusive seus próprios agentes, numa demonstração de seriedade e isenção no trato dos assuntos públicos". (O Povo)

POLÍCIA EM AÇÃO.

Resultado de imagem para tirosSobre a ocorrência da perseguição da polícia militar, A pessoa envolvida nessa ocorrência foi identificada como sendo o Francisco Juscelino Martins de Lima que tinha 45 anos, o mesmo respondia por porte de arma em Canindé, uns procedimentos em Fortaleza, e seria foragido da cadeia pública de Santa Quitéria. Nessa ocorrência segundo as informações, o mesmo reagiu a prisão, atirando contra a composição da polícia militar, no qual revidou, onde o mesmo veio a ser atingido. Ele ainda foi socorrido mas já chegou sem vida no hospital São Francisco de Canindé. O corpo será encaminhado a Perfoce em Fortaleza.

Grupo interestadual que pretendia assaltar casa lotérica é capturado

trioUm grupo de suspeitos que pretendia assaltar uma casa lotérica no município de Orós foi desarticulado nessa quinta-feira (26). Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a quadrilha interestadual estava em posse de duas armas de fogo, incluindo uma submetralhadora.
Segundo a Pasta, policiais militares perseguiram os suspeitos em Jaguaribe. Um paulista, identificado como Douglas Aparecido Ribeiro foi preso durante a perseguição. As diligências ainda resultaram nas prisões de Rodrigo Azevedo Volcov, também natural do Estado de São Paulo, e Thatiane de Paiva Soares, mineira.
Com o trio foram encontradas anotações que mostravam um plano criminoso. Os suspeitos foram encaminhados até a Delegacia Regional de Jaguaribe, onde foram autuados em flagrante por roubo com emprego de armas de fogo. A Polícia Civil busca identificar se existe participação de outras pessoas no grupo.

CNH Digital já está disponível em todo o Brasil


Mais de 110 mil condutores brasileiros já estão utilizando em seus celulares ou tablets a tecnologia, que é desenvolvida pelo Serpro em parceria com o Departamento Nacional de Trânsito ( Foto: Divulgação/Serpro )

Na última quarta-feira (25), o Departamento de Trânsito do Rio de Janeiro (Detran/RJ) aderiu à Carteira Nacional de Habilitação Digital, o primeiro documento eletrônico de identificação do País. Com o lançamento em solo carioca, a tecnologia agora está disponível aos motoristas em todo o Brasil. No Ceará, o lançamento do serviço está previsto para ocorrer em maio, segundo o Departamento Estadual de Trânsito (Detran).
Mais de 110 mil condutores brasileiros já estão utilizando em seus celulares ou tablets a tecnologia, que é desenvolvida pelo Serpro em parceria com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). Os estados que possuem o maior número de motoristas com carteira digital são Rio Grande do Sul, Goiás e São Paulo, que somam juntos mais de 63 mil documentos eletrônicos emitidos.
As carteiras digitais são opcionais e, no momento, gratuitas em quase todos os estados. Além da praticidade e maior mobilidade, uma das principais vantagens da CNH Digital é a segurança. O aplicativo tem o mesmo valor jurídico que a carteira impressa e possui vários itens de segurança, como QR Code e exigência de senha de acesso, que garantem autenticidade ao documento e diminuem riscos de ocorrência de fraudes.
“O QR Code é um item de segurança que armazena os dados do motorista de forma criptografada e bastante segura. Para ter acesso às informações no celular, é preciso digitar uma senha de quatro dígitos, que permite visualizar os dados da CNH assinados digitalmente”, explica a diretora-presidente do Serpro, Glória Guimarães.

Como obter

A CNH Digital pode ser utilizada por todos os motoristas que possuem a versão mais recente da carteira em papel, com um QR Code na parte interna.
1. Para obter o documento eletrônico, é preciso fazer o download do aplicativo no celular ou tablet, disponível gratuitamente na Google Play e App Store.
2. Depois, para garantir a fé pública do documento eletrônico, o motorista deve se dirigir ao posto do Detran, indicar e-mail e telefone, e depois fazer o procedimento de cadastro no Portal de Serviços do Denatran. Os motoristas que possuem certificado digital podem fazer a validação dos dados diretamente no portal.
3. Após o cadastro no site do Denatran e com os dados confirmados, será enviado, por e-mail, um código para ativar a CNH Digital.
4. Depois, é só entrar no aplicativo, usar a senha de acesso ao portal e digitar o código de ativação. O aplicativo vai pedir para criar uma senha mais simples (PIN), de quatro dígitos, que o usuário deverá digitar toda vez que for acessar a carteira. Mesmo off-line, ou seja, sem internet, será possível acessar a habilitação pelo smartphone. 
A Adepol esteve reunida, em uma Assembleia Geral, na última sexta-feira, e deliberou medidas "em defesa da Polícia Civil" ( Foto: Helene Santos )
O afastamento do delegado Romério Moreira de Almeida, da Polícia Civil do Ceará (PCCE), na Operação Renault 34, do Ministério Público do Ceará (MPCE), deflagrada na última quarta-feira (25) gerou um atrito entre as duas instituições. Na manhã seguinte à Operação, Romério foi encontrado alvejado por dois tiros, dentro de sua residência, na Aldeota.
O procurador-geral de Justiça do Ceará, Plácido Barroso Rios, lançou nota pública, nessa sexta-feira (27), e reforçou a parceria das duas Instituições, mas garantiu que "todos estão sujeitos ao império da lei". Poucas horas depois, a Associação dos Delegados de Polícia Civil do Ceará (Adepol) revelou que irá ajuizar ação "contra os promotores de Justiça que expuseram a imagem do delegado".
Plácido Rios afirmou que "as investigações realizadas pelo Ministério Público do Estado do Ceará têm obedecido os ditames constitucionais e legais, com absoluto respeito aos direitos e garantias fundamentais dos implicados, bem como aos direitos e interesses que pertencem à coletividade. Num Estado de Direito, todos estão sujeitos ao império da lei e quem quer que cometa atos ilícitos deve ser investigado e, conforme o caso, processado e julgado".
O procurador-geral complementou que o MPCE está "cumprindo com o seu dever constitucional" e que "tem investigado e processado todos os autores de atos ilícitos independentemente das funções públicas ou ocupações privadas que exerçam, inclusive seus próprios agentes, numa demonstração de seriedade e isenção no trato dos assuntos públicos".
Na nota, a autoridade pondera que o Ministério Público e a Polícia Civil possuem uma parceria histórica, pautada no respeito, e que, juntas, as instituições têm realizado investigações importantes. "Em todas as instâncias de governança, o Ministério Público tem defendido o fortalecimento da Polícia Civil e a valorização de seus agentes, que cumprem funções de extrema relevância para o Estado de Direito", alegou Plácido Rios.
Assembleia
A Adepol esteve reunida, em uma Assembleia Geral, na manhã da última sexta-feira, e deliberou medidas "em defesa da Polícia Civil". Entre as ações está a de "ajuizar ação junto ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) contra os promotores que expuseram a imagem do delegado Romério Almeida', conforme nota da Associação.
Outras medidas tomadas pela Associação dos Delegados são 'requerer da Procuradoria Geral da Justiça (PGJ) a relação dos promotores que residem nas comarcas do Interior, com os respectivos endereços (conforme art. 129 da Constituição Federal)"; e "não participar de diligências do MP sem a garantia do órgão de que a imagem do investigado seja preservada (baseado no inciso X, do artigo 5º da Constituição Federal)".
Outro alvo das críticas do órgão é o titular da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), André Costa. Os delegados pretendem entregar uma carta ao secretário, para expôr reivindicações da categoria, ainda nesta sexta-feira. A Adepol já tinha manifestado insatisfação com o comportamento de André em relação à Operação.
Respostas
Na última quinta-feira, por meio de nota o MPCE já havia lamentado o ocorrido com Romério Almeida, e afirmado que todas "as suas ações têm como base os regramentos e diretrizes pautados na Constituição Federal e leis infraconstitucionais, jamais desbordando dessas balizas". O MP disse ainda que a interceptação das ligações telefônicas no âmbito da "Operação Gênesis", do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), quanto o compartilhamento com o Núcleo de Investigação Criminal (Nuinc), para execução da "Operação Renault 34", tiveram autorização da Justiça.
Por fim, afirma que o "afastamento do delegado Romério Almeida de suas funções e a realização de busca e apreensão na residência e no local de trabalho dele foram determinados pelo juiz da 8ª Vara Criminal de Fortaleza, Henrique Granja".
A SSPDS, por sua vez, destacou que André Costa coordenou pessoalmente a transferência do servidor para o Instituto Doutor José Frota (IJF). A Pasta afirmou que o secretário entrou em contato com a família do delegado e se colocou à inteira disposição para colaborar no que for possível.
A Pasta acrescentou ter adotado todas as soluções que cabia no intuito de prestar assistência ao delegado, e torce pela pronta recuperação do servidor.
Operação
O MPCE e a Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário do Estado (CGD) cumpriram mandados contra os investigados e afastaram o delegado, do seu cargo público, por 60 dias, na última quarta-feira (25). Na manhã seguinte à Operação, Romério foi encontrado alvejado por dois tiros, dentro de sua residência, na Aldeota. Ele está internado numa unidade particular. O quadro de saúde dele é considerado estável.

Justiça nega quebrar sigilo de processo

A Justiça negou a quebra de sigilo de interceptações telefônicas ao delegado Romério Almeida e aos outros dois investigados na Operação Renault 34, nesta sexta-feira (27), segundo o presidente da Adepol, delegado Milton Castelo. O Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) não confirmou a informação, alegando que "o processo corre em segredo de justiça, portanto, não é possível obter mais informações". Segundo apurado pela reportagem, a negativa aconteceu por o juiz ter afirmado que ainda há perícias pendentes.
O MPCE tinha solicitado à Justiça, na última quinta-feira, a quebra do sigilo do processo que apura indícios de corrupção no 34º DP (Centro). Conforme o Núcleo de Investigação Criminal (Nuinc) do MPCE, entre o material que poderia ser autorizado para divulgação estão os áudios das interceptações telefônicas entre os suspeitos.
Através de interceptações telefônicas autorizadas pela Justiça estadual, um suposto esquema criminoso envolvendo o delegado, o advogado Hélio Nogueira Bernadino e o seu cliente Anderson Rodrigues da Costa. O advogado e o traficante foram flagrados, na conversa, negociando a liberação de um veículo Renault Logan, que estava apreendido no pátio do 34º DP. Anderson pagaria R$ 1.500 para o advogado e R$ 1.500 para o delegado.
A conversa pelo telefone se deu em 27 de janeiro de 2016. O veículo tinha sido apreendido no dia anterior em uma operação da Polícia Militar. O traficante conseguiu fugir, mas o carro foi retido pela PM.
Anderson procurou o advogado Hélio Bernardino para conseguir a liberação do carro. O advogado disse que resolveria o problema com o pagamento de uma quantia em dinheiro. Logo no dia seguinte, 28 de janeiro de 2016, o veículo e os outros bens foram restituídos pelo 34º DP. A investigação ainda detectou que o Boletim de Ocorrência registrado pelos PMs pela troca de tiros com um suspeito não resultou na abertura de Inquérito.
Fonte: DN

quinta-feira, 26 de abril de 2018

Autoridades religiosas e governamentais se reuniram nesta terça-feira (24) para avaliar e preparar a organização da festa de São Francisco das Chagas de 2018.
O primeiro encontro do ano contou com a presença do reitor do Santuário Frei Marconi Lins; do pároco da Basílica de São Francisco das Chagas, Frei Jonaldo Adelino; da prefeita de Canindé, Rozário Ximenes; Secretários do Governo Municipal; além dos representantes da segurança pública, como Polícia Militar, Guarda Municipal e Corpo de Bombeiros.

A Prefeita Rozário, a exemplo do ano passado, garantiu toda a infraestrutura do município à disposição da festa 2018.
O tema deste ano será: "SENHOR FAZEI-ME UM INSTRUMENTO DE VOSSA PAZ", e, o calendário não será afetado pelas eleições presidenciais, que neste ano ocorrerão no dia 7 de outubro. Com isso, os festejos alusivos ao santo padroeiro de Canindé serão realizados de 24 de setembro a 05 de outubro, quando ocorre o arriamento da bandeira.

O próximo encontro de elaboração de planos ficou agendado para o mês de junho. 
O reitor do Santuário de Canindé, Frei Marconi Lins de Araújo, considerou o primeiro encontro de preparação bastante significativo para o início do planejamento dos festejos de 2018.

Em 2018, os festejos alusivos ao padroeiro de Canindé ocorrerão em seu período normal, de 24 de setembro a 04 de outubro.
  
Com informações do Santuário de Canindé 

Presos provisórios, aqui no Ceará, podem ganhar as ruas

O anúncio feito pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública que pretende, em parceria com as Defensorias Públicas dos Estados, a liberação de mais de 50 mil presos em todo o país, começando pelo estado do Ceará. O número é o equivalente a 7% da população carcerária do Brasil. Segundo dados da Sejus, o Ceará possui dois terços da população carcerária formada por presos provisórios. O sistema prisional cearense tem ainda a segunda taxa mais elevada de superlotação, com 309%, segundo dados do Infopen.
A proposta foi apresentada pelo Colégio Nacional de Defensores Públicos Gerais (Condege) e aprovada pelo ministro Raul Jungmann. 
Presos provisórios há mais de seis meses por crimes não hediondos e equiparados terão casos analisados.Os condenados que estão em regime semiaberto podem ter progressão antecipada para o regime aberto. 
"É melhor colocá-los no semi-aberto, com tornozeleiras ou penas alternativas do que jogar esses jovens na mão do crime organizado, de onde eles jamais sairão", aponta Jungmann.
Grupo de 45 defensores públicos de várias partes do País vão compor o mutirão, junto a defensores locais.
Depois do Ceará, Goiás e Pará devem receber o mutirão, em agosto e setembro, segundo o cronograma apresentado pelos defensores. A iniciativa deve seguir até dezembro. 

BPRaio recebe 140 novas motos para Capital e Interior

O Governo do Ceará entrega, nesta quinta-feira (26), 140 novas motos para estruturar a ampliação do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio). A solenidade ocorre a partir das 9 horas, no estacionamento do Ginásio da Parangaba, em Fortaleza, com a presença do governador Camilo Santana e da cúpula da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social.

O comandante da Polícia Militar do Ceará, coronel Ronaldo Viana, informa que mais motos chegarão para dar suporte ao projeto que duplica a capacidade operacional do BPRaio na Capital e implanta equipes exclusivas do Batalhão em cidades com população acima de 50 mil habitantes.
Os novos veículos, da marca Honda, possuem 1000 cilindradas e passaram por modificação de fábrica na estrutura para se adequarem às funções de policiamento ostensivo. As 140 motos integram o primeiro lote de um total de 292 novos veículos adquiridos pelo Governo do Ceará para o projeto que duplica a capacidade operacional do BPRaio na Capital e implanta equipes exclusivas do Batalhão em cidades com população acima de 50 mil habitantes - 21 municípios do Estado já foram contemplados.

58% DOS APROVADOS EM CONCURSOS PARA A POLÍCIA CIVIL DO CEARÁ ABANDONAM A CORPORAÇÃO

Pesquisa do Sindicato dos Policiais Civis do Estado (Sinpol), com base em informações do Diário Oficial, mostrou que, em 10 anos, dos 3.489 profissionais que ingressaram na corporação por meio de concursos públicos, 2001 escrivães e inspetores abandonaram a carreira. A evasão, segundo o Sinpol, representa 58% do total de convocados, como alerta, em entrevista à edição desta segunda-feira, 23, do Jornal Alerta Geral (Rádio FM 103.4 – Expresso Grande Fortaleza + 25 emissoras no Interior), o presidente do Sinpol, Lucas Oliveira.

O presidente do Sinpol afirma que o alto índice de evasão “reflete a falta de valorização e falta de estrutura da nossa Polícia Civil”. Segundo Lucas Oliveira, os baixos salários – a Polícia Civil do Ceará recebe um salário menor do que a Polícia Civil do Piauí, Estado que tem o menor PIB da região Nordeste – e exercer a atividade de custodiar presos, que não é atribuição da corporação, são os principais motivos para o alto número de pedidos de exoneração.

Com o alto índice de evasão, o presidente do Sinpol lembra que a quantidade de policiais civis no Ceará é insuficiente para atender a quantidade de demanda. De acordo com a Sinpol, no Estado, a corporação conta com 3,7 mil policiais civis para atender 9 milhões de cearenses atualmente. Na década de 1980, com uma população menor, o Estado contava com mais de 4 mil policiais integrando a corporação. “Não dá para fazer o trabalho que a sociedade precisa com uma situação dessas”, pontua o presidente do Sinpol.

A realidade da Polícia Civil, explica Lucas Oliveira, contribui para a lentidão da resolução de crimes no Estado – a corporação é a responsável pelas investigações dos delitos criminosos. Com o aumento no número dos inquéritos, a criminalidade e o sentimento de impunidade cresce no Estado, alerta o presidente do Sinpol.

Lucas Oliveira expõe, por exemplo, a realidade da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que tem mais de 5 mil inquéritos esperando investigação. A delegacia de Juazeiro do Norte também foi citada pelo presidente do Sinpol. Lá, 2 mil inquéritos também tramitam à espera de resolução. “É impossível se fazer um bom trabalho diante de tanta demanda, com poucos policiais”, conclui Lucas.

Reunião com o governador

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado (Sinpol) ainda ressaltou que não adianta só fazer concurso, em virtude do alto índice de exonerações. O Governo do Estado, segundo ele, deve trabalhar para manter seus policiais civis nos cargos, o que não vem acontecendo.

Para Lucas Oliveira, os concursos ainda são insuficientes, dada a carência nas delegacias do Ceará de inspetores, escrivães e delegados, principalmente no Interior cearense. O presidente do Sinpol pediu para que o governador Camilo Santana (PT) valorize mais a corporação e disse que deve se encontrar com o chefe do Executivo estadual nos próximos dias, para apresentar propostas e discutir alternativas.

Lucas ainda criticou o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), afirmando que “falta empenho” do órgão estadual nas fiscalizações da lei.

Fonte: Polícia Civil do Ceará em Ação 

Postagem em destaque

Briga entre cunhados termina em morte no Bom Jardim

Um homem foi morto durante uma briga com o cunhado, na rua Sete de Setembro, no Bom Jardim, em Fortaleza. A briga aconteceu neste domingo (...